Invasao alien no Q.U.A.G. terça-feira, julho 21, 2009


Amigos queridos,

Vcs. vao ter que me desculpar, mas tive que importar os posts do meu outro blog (Férias na Baviera e Outras Andancas) para cá. Se eu mal dou conta de atualizar um blog, o que dirá dois deles. Entao, como o Quero Um Amigo Gay é o meu queridinho, resolvi trazer tudo pra cá e me concentrar em um só blog.

Nao se assustem caso leiam algum post super hétero, mas facilita e muito a minha vida. Prometo terminar de postar sobre minhas férias até o dia 10 de Agosto, daí em diante, prometo que só haverá arco íris por aqui.

Na foto acima, eu e as duas pessoas que mais me fazem feliz no mundo e tb. as que colocam mais fios brancos na minha cabeca. Tá faltando o 4o. membro da família, meu queridao, mas esse já tem 21 anos e nao tá nem aí pra mim :-(

Um beijo...

Enquanto isso, tomo banho, escovo os dentes, assisto o jornal e o upload da foto vai processando...





9 comentários:

José Ricardo disse...

Ter esta mulher como amiga é a melhor coisa do mundo, transmite carinho; ternura; e tudo que o mais . . .

José Ricardo disse...

Tem muitas pessoas que vêm ao mundo para simplesmente sobreviverem.
Tem pessoas que aqui estão para simplesmente dizer aqui estou.
Mas tem pessoas que aqui vem par mostrar vida.
Expressar carinho e ternura.
Como seria lindo este mundo com mais (Éricas).
Que lindo seria este espaço no qual vivemos.
Se todos tivessem a sorte de conhecê-la.
Linda.
Tão linda.
Infinitamente linda.
Que mulher.
Verdadeira mulher.
És tão simplesmente a essência da vida.
E sabes como fazê-lo.
Tens o conhecimento da vida.
E sabes como conduzi-lo.
Ser um apaixonado por ti.
É tão somente reconhecer.
Você.
Beijo de quem muito a quer bem.
Beijos para o MI e com a Sofi que a merecem.
São as verdades do seu amigo de hoje e sempre.
Com o carinho de sempre;
Ricardo

Pablo Torrens disse...

Moça, qual é seu email?
Quero entrar em contato para lhe enviar um livro em pdf.

abraços.

pablo.torrens@hotmail.com

Anônimo disse...

Aloooo

Andava eu por aí quando deparei com o seu blogue....e achei O MÁXIMO (a apresentação)

Se eu domina-se as técnicas informáticas (juntamente com tempo, jeito e paciência) também faria um....lolll

Será que cabe por aí....Mulher hetero, casada, com filhos, procura mulher....se me quiser dar informação (alguém bem humurado na mesma situação, ou não) é só responder. Já agora, sou de Lisboa, tenho 40 anos, formada, professora, alta e morena de olhos verdes (é mesmo verdade.....lollll...e gira, já agora....lollll..), isto de procurar mulheres é difícil ...lolll....me ajuda, vai.

Beijo e boa disposição

Não é para publicação

FabricioViana.com disse...

Oi minha querida... lembra de mim? To linkando teu blog no meu novo site (www.fabricioviana.com) ta? Beijão! Fabricio

Alexsandro disse...

Quero saber mais sobre este país me passa seu email, (alexnarc@hotmail.com)
Abraço
Alex
Mogi das Cruzes - SP

Marcos Vinicius Gomes disse...

Esta perspectiva 'vejiana' é elitista. Igual a cobertura da parada gay em sp que virou balcão de negócios. A Folha sempre dá roteiro apenas para leitores 'vip' com preços de hotéis caríssimos e afins. Ou seja, não existem pedreiros homossexuais, professoras, porteiros, garis homossexuais, enfim pessoas que não façam parte deste mercado suculento para a grande mídia. Lamentável.

Marcos Vinicius disse...

Esta perspectiva 'vejiana' é elitista. Igual a cobertura da parada gay em sp que virou balcão de negócios. A Folha sempre dá roteiro apenas para leitores 'vip' com preços de hotéis caríssimos e afins. Ou seja, não existem pedreiros homossexuais, professoras, porteiros, garis homossexuais, enfim pessoas que não façam parte deste mercado suculento para a grande mídia. Lamentável.

Ludmila disse...

Marcos, desculpe querido, mas eu falo apenas sobre o meu universo.Infelizmente não conheço nenhum pedreiro gay, nem uma caixa de supermercado bissexual, ou uma doméstica lésbica, não porque eles não existem, eu apenas não tive oportunidade de conhece-los, álias tb. não conheço nenhum gay milionário, e em ambos os casos, infelizmente, pois pessoas me interessam e não suas classes sociais. Falar em revista Veja pra mim é até engraçado, pois considero essaa revista o lixo editorial da direita da qual eu não faço parte. Se minha perspectiva é "vejiana" a sua perpectiva é tacanha, pois para mim, qualquer movimento pró Movimento Gay é valido, mesmo um bloguinho assim, despretencioso como o meu, que pouco agrega, eu tenho consciência, mas claro, só lê quem quer. Fique bem, te desejo tudo o que há de bom nessa vida. Um beijo!